Nematoide um problema silencioso

Atualizado: 12 de ago. de 2020

Com a falta de monitoramento das lavouras, o nematoide vem aumentando sua área de atuação a cada safra.


Os problemas fitossanitários ditos mais importantes da cultura da soja são os visíveis como ferrugem-asiática, percevejos e largatas desfoliadoras, porém que esta tirando o sono dos agricultores são os nematoides, que a cada ano aumentam as áreas afetadas, se tornando um problema crítico para a cultura, pois inibem a absorção de água e nutrientes, prejudicando o desenvolvimento da planta.


A maior dificuldade de perceber e identificar a presença desses patógenos minúsculos, faz com que estes passem despercebidos em muitos casos ou sendo confundidos com infertilidade de solo.


Para a cultura da soja os nematoides que mais causam danos são, formadores da galhas (Meloidogyne spp.), lesões radiculares (Pratylenchus spp.), cisto (Heterodera glycines), espiralados (Helicotylenchus dihystera), parte aérea (Aphelenchoides besseyi) e o Scutellonema brachyurus este também causa lesão radicular.


A adoção do monitoramento das safras é a melhor medida para tomar decisões precisas e acertivas.


#coletarparamanejar #monitorar


18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo